terça-feira, 17 de junho de 2008

Gestão por Objectivos


Esta história poder-se-ia ter passado numa qualquer aldeia global, onde por exemplo viviam dois homens que tinham o mesmo nome e duas profissões distintas:

Nome: Joaquim Gonçalves.
Profissões: Um era sacerdote e o outro, taxista.

Quis o destino que morressem os dois no mesmo dia. Quando chegaram ao céu, São Pedro esperava-os.
Pergunta ao primeiro:
- Qual é o teu nome?
- Joaquim Gonçalves.

- És o sacerdote?
- Não, o taxista.

São Pedro consulta as suas notas e diz-lhe:

Bom, ganhaste o paraíso. Levas esta túnica com fios de ouro e este ceptro de platina com incrustações de rubis.

Manda entrar o segundo e pergunta-lhe:
- Qual é o teu nome?
- Joaquim Gonçalves.
- És o sacerdote?
- Sim, sou eu mesmo.

Muito bem, meu filho, ganhaste o paraíso! Levas esta bata de linho e este ceptro de ferro.

O sacerdote surpreendido...

- Desculpe, mas deve haver um engano. Eu sou o Joaquim Gonçalves, o sacerdote!
- Sim, meu filho, ganhaste o paraíso. Levas esta bata de linho e...
- O padre incrédulo, retorquiu, não pode ser!
- Eu conheço muito bem o outro senhor.
- Ele era apenas um taxista, vivia na minha aldeia e era um desastre! Subia os passeios, batia com o carro todos os dias. Conduzia pessimamente e assustava as pessoas. Nunca mudou, apesar das multas e repreensões policiais.

E quanto a mim, passei 75 anos pregando todos os domingos na paróquia. Como é que ele recebe a túnica com fios de ouro e eu... isto?

- Não é nenhum engano - diz São Pedro
- Aqui no céu, estamos a fazer uma gestão estratégica mais operacional, do que aquela que vocês vêm fazendo lá na Terra.

O padre cada vez mais desorientado, diz não entender!

São Pedro em tom assertivo, passa a explicar:
- Agora orientamo-nos por objectivos. E então é assim:
Durante os últimos anos, cada vez que tu pregavas, as pessoas dormiam. E cada vez que ele conduzia o táxi, as pessoas começavam a rezar. Percebeste!! os resultados?

Na filosofia de Gestão por Objectivos!
O que interessa são os resultados, a forma de lá chegar é completamente irrelevante!

Saudações objectivas

14 comentários:

vita disse...

Exactamente..como se chega lá não importa nada..importa é chegar..(dizem)..lool..;)

Professor Doutor "Atever" disse...

Assim chegou o outro a Primeiro-Ministro.
Se podes comprar um diploma, porquê queimar neurónios a "marrar".
Tenho de mudar de atitude, porque eu ando sempre à procura de bons lugares de estacionamento e, volta não volta tenho a "lata" amassada.
Se calhar devia era estacionar em cima do passeio, ou da passadeira à minha porta.
Abraço.

Tá-se bem! disse...

Vita, eu não concordo nada... mas dizem que há gajos que se safam assim! :D

Tá-se bem! disse...

Atever, parece que a integridade está cada vez mais em desuso... Infelizmente para quem recebeu outros valores!
É a vida.. :|
Abraço

Mary disse...

Nem o céu escapa...é uma anedota mas, sem dúvida nenhuma, demonstra bem o que para muitas pessoas é um lema de vida!!! Eu não sou nem serei nunca assim mas...:P
beijoca

Anita :) disse...

concordo plenamente com a mary aqui em cima...existem pessoas que não olham a meios para atingir os seus objectivos...é triste :/

anyway, beijito grande pa ti trenguito maiLindo e, uma excelente semanita:)

Coragem disse...

os meios justificam os fins ?!

Nunca fui por ai, pois o lugar no céu, não será meu...Paciencia :)))

Beijito

mik@ disse...

olha eu discordo completamente!

é que isso da maneira de lá chegar é muito subjectivo e eu não gosto que me joguem areia pros olhos e subam as minhas custas... na na

a maneira como se chega a alguma coisa importa, pelo menos pra mim...

bjocas menino ta-se bem malvado

Tá-se bem! disse...

Mary, acredito! Mas... estamos numa época em que atingir os fins(sem olhar a meios)contam mais do que deveriam.. digo eu..
Beijocass ;))

Tá-se bem! disse...

Anita, trenguita mai linda! :) nem outra coisa esperaria de ti.

Continuação de boa semana tb para ti!
Beijoooo ;))

Tá-se bem! disse...

Coragem, nem meu!! loool Paciência! como diz o outro, 'temos pena'..

Beijooo ;))

Tá-se bem! disse...

Mikinha, claro que importa :), mais que não seja, à própria consciência!
Na te enerves moça.. ehehehe

Beijocas trenguita :p

Pintinho disse...

Concordo perfeitamente!

Mimo Azul disse...

ehehehehe :)
só espero que s.pedro não se lembre de aplicar politicas correntes no nosso país !!